Software de Automação Comercial

A automação já está presente na indústria há um bom tempo. Mas também tem crescido cada vez mais no comércio. E ter um software de automação comercial ajuda e muito na otimização do trabalho, nos procedimentos do comércio. E consequentemente, o negócio tende a crescer. Antes de falar sobre o software de automação comercial, precisamos entender o que é a automação comercial.

Em poucas palavras, a automação comercial é usar a tecnologia para realizar as atividades cotidianas em um comércio.

Resumindo ainda mais: automatizar procedimentos comerciais.

Se um estabelecimento não utiliza a automação comercial, terá que realizar as tarefas manualmente.

O que pode causar mais erros e menos velocidade nas atividades comerciais.

Software e hardware

Agora que sabemos o que é a automação comercial, vamos entender o que é software de automação comercial.

Um software é um programa de computador ou sistema de processamento de dados.

Por exemplo, o Windows é um software.

Já o hardware é a parte física.

O notebook é um hardware, por exemplo.

Hardware e software trabalham juntos.

Basicamente, o software precisa de um hardware para poder operar.

A automação comercial consiste em ter um software e um hardware realizando tarefas que, no passado só poderiam ser feitas manualmente.

Quer um exemplo no comércio para ficar mais claro?

Então vamos lá.

Exemplo da automação comercial na prática

Imagine um mercado.

Não precisa ser um supermercado, muito menos um hipermercado, pode ser aqueles bem pequenos, que são encontradas em bairros afastados do Centro da cidade.

Bem provável que você já tenha entrado e comprado alguma coisa em algum desses mercados menores.

software de automação comercial

E se prestou bem atenção na hora de passar pelo caixa, deve ter percebido que havia pelo menos um software de automação comercial.

E também um hardware.

Falando apenas do setor do caixa, veja só quais elementos fazem parte da automação comercial:

  • Impressoras: Sabe o cupom fiscal que você recebe após a realização do pagamento no caixa? Pois é, ele faz parte da automação comercial. Antigamente a “notinha” que você recebia era feita à mão, hoje o procedimento é automatizado na grande maioria dos comércios.
  • Gavetas: a gaveta do caixa também faz parte da automação comercial e somente abre após o pagamento ser efetuado.
  • Leitores de código de barras: são responsáveis pela leitura do código do produto. Revelando, principalmente o seu preço.
  • Computador: O computador integra os itens citados acima e é responsável por armazenar, interligar e executar os softwares de automação comercial que fazem com que os hardwares funcionem.

Esses são exemplos que você pode notar apenas no caixa.

Mas com certeza nesse mesmo mercado existem outros locais onde há sistemas de automação.

Mais um exemplo

Um exemplo de software de automação comercial não muito conhecido por clientes e até mesmo a maioria dos funcionários de certo comércio é o Ponto Secullum 4.

Trata-se de um software útil para controle de horas trabalhistas (horas normais, faltas, extras, DSR, adicional noturno, etc.).

Mas existem muitos outros tipos de softwares de automação comercial com as mais variadas funções.

Você pode clicar aqui para conhecer mais alguns que comercializamos na Flexx Tecnologia.

Otimize as operações em sua empresa e faça com que seu negócio prospere cada vez mais!

Entre em contato agora com a Flexx Tecnologia!